segunda-feira, 6 de junho de 2011

Dança de Salão é tudo de bom!

Há muitos anos atrás estava eu quietinha em casa em um final de tarde quando telefone tocou , era um grande amigo do meu filho mais velho, Eliezer, uma pessoa que eu adoro.
Perguntou-me se eu tinha algum compromisso para aquela a noite e eu disse que não, ficaria em casa , foi aí que tudo começou, ele me disse:
-Vou passar para te pegar preciso que você coloque um sapato que abotoe no peito do pé, ok?
Não entendi nada mas fiz o que ele pediu , no horário combinado lá estava ele todo sorridente, fomos conversando , disse que estava me levando a um lugar que eu ia adorar e de onde não sairia nunca mais, sinceramente, não consegui imaginar o que fosse mas, lá fui eu porque adoro novidades e ficar em casa não é muito a minha praia, adoro badalar rs,rs,rs.

Qual não foi a minha surpresa quando ele estacionou em frente a uma academia de dança na Tijuca , me pegou pelo braço, atravessamos a rua , fomos entrando, ele conhecia todo o pessoal, me apresentou e quando vi estava dentro da sala de aula dando meus primeiros passos ao lado de pessoas que nunca tinha visto mas onde fiz ótimas amizades. Bom esclarecer que estes foram os passos na academia porque meu primeiro professor de dança foi meu paizão, Dr. Brigagão que era o que o pessoal chama de “Pé de Valsa”, arrasava nos salões do Clube Paraisense em São Sebastião do Paraíso com minha mãe que também adorava dançar, acho que isto vem no nosso sangue, não tem para mim nenhum exercício melhor que dançar e por essas e outras, continuo dançando.
Minha irmã também desde pequena sempre gostou de dançar, fez ballet moderno, dança muito bem mas como nada na vida é perfeito, seu marido não gosta de dançar, coisa complicada não é mesmo?

O ambiente de uma academia de dança de salão é sempre muito alegre parece que todos ali deixam seus problemas do lado de fora da porta deixando assim aquele espaço no maior alto astral, quem nunca fez deveria experimentar mas tem um probleminha: vicia!
Meu primeiro professor se chama Marcelo, ele é bárbaro, dá uns toques fundamentais tipo: balinha de hortelã porque ninguém merece bafo não é?
Banho e desodorante são imprescindíveis, CC no salão não dá!Imagina o cavalheiro levanta o braço para aquele giro seu e você desmaia porque “esqueceu” do banho, terrível e acreditem, pode acontecer mas discretamente dê um toque no seu professor , ele vai te ajudar viu?
No início talvez você difícil mas não desista porque é assim mesmo, com o passar dos dias você verá que tem jeito para dança, vai se surpreendendo como você mesmo, quando menos esperar vai estar arrasando no salão.


Eu ria demaisssss nas minhas aulas porque em determinados momentos me sentia uma lelé, o professor ia para direita e eu para a esquerda, e os pés, Oh God, é muito divertido mas você vai conseguir, procure ficar sempre na frente o mais próximo do professor para que ele veja seu interesse, vai te ajudar sempre!


Tem os bolsitas que são os rapazes e moças para dançar e te ajudar, os meus são inesquecíveis, amo todos eles e somos amigos até hoje.
Atualmente são todos excelentes professores mas quando os conheci eram rapazotes e meninas, muitos já estão casados, tem babies , foram sempre maravilhosos comigo e também com meus companheiros de turma.


Depois que você começa se sentir Fred Astaire ou Ginger Rogers só pensa em melhorar e aperfeiçoar a cada aula .

Nessas aulas acontece de tudo sempre no bom sentido, novas amizades, namoros, passeios, bailes em outras academias e seu universo na dança vai se expandindo a cada aula , o único problema é quando você pega aquele que “se acha” mas na realidade você o vai levando porque ele não sabe nada, está engatinhando e começa querer “te ensinar o que ele não sabe” ahhhhhh, aí é uma chatice, muitas vezes fui “socorrida” pelos meus professores me trocando de par graças a Deus!
Um deles em uma aula de forró quase destroncou um dedo meu tamanha era sua “delicadeza” na hora de alguns giros rs,rs,rs, outro quase me derrubou porque perdeu o equilíbrio mas fui mais rápida e me segurei no cavalheiro que passava ufaaaaaa, foi por pouco!

O que eu mais gosto de dançar? FORRÓ, sou apaixonada por esta dança por duas razões, as músicas são muito animadas e você perde muitos kilos nesta aula sem ter que fechar a boca para as delícias que você tanto gosta.

Nas academias você vê pessoas de todas as idades, algumas chegam muito tímidas, outras em momentos difíceis de suas vidas, recolhidas, tristes mesmo , quando você as vê nos próximos quinze dias, seus rostos já tem brilho, sorrisos e melhor, novos amigos.

Você que está aí sentado, pensando na vida, esperando a banda passar, levanta, tome um banho caprichado, coloque aquela roupa que te deixa bonitona/bonitão e vá até a academia mais próxima da sua casa, VAI DANÇAR, PROCURE A FELICIDADE PORQUE ELA ESTÁ TE ESPERANDO !

Uma semana musical para todos, Inté.

10 comentários:

Anônimo disse...

Maravilha dança de salão une casais , esquenta a vida e é uma diversão que espata qualquer depresão , então vamos mexer as cadeiras ... e espantar as "urucas"!!!
Bjs. Maria João

Anônimo disse...

*digo : depressão... falha nossa!!!
Maria João

Rosana S. Brigagão disse...

É isso aí prima querida, dentro das academias você só vê gente alto astral, diversão deliciosa e boas amizades, tenho amigas/os de anos da academia, quem nunca fez deve experimentar pq não há tristeza que resista a uma aula de salão, vamos lá pessoal, vc vão gostar!
Semana linda p vc querida e p essa familia encantadora que vc construiu, PARABÉNSSSSSSSSS!

Helga disse...

Querida Ro, ri muuuuito deste post, deve ser divertidíssimo estar num ambiente tão alto astral.
Aliás, onde você estiver o astral deve ser sempre otimo.
Que você tenha uma linda semana!
beijão

sandra disse...

Dançar afasta os pensamentos ruins...muito gostoso..bjins Ro

Rosana S. Brigagão disse...

Oi Helga, tenho um bom astral sim graçasssss a Deus e procuro sempre levar alegria p onde vou pq a energia que retorna é bárbara.
Linda semana p vc tb, beijinsssss

Rosana S. Brigagão disse...

Isso mesmo Sandra, quem dança só pensa em coisas boas por exemplo encontrar um PRÍNCIPE que tenha A PEGADA para te levar pelos salões da vida com mta alegria!
Vamos dançar e curtir a vida linda que temos, beijinsssssss

Maria Cecile disse...

Gostei do príncipe e da pegada, rsrsrs, acho que vou me inscrever numa academia de dança, rsrs.
beijos beijos.

Rosana S. Brigagão disse...

rs,sr,sr,sr, vá mesmo Cecile, vc vai amarrrrrrrr, vc já assistiu aquele filme do Banderas onde ele resolve dar aula de dança para a garotada rebelde da escola??
Menina, ele tem uma pegada affffffffffffffffffffffff fico sem ar só de pensar rs,sr,sr,sr,rs,beijinssssssssss

VAL_BZ@HOTMAIL.COM disse...

Rosanana..
Que legal, cara...esse teu relato como começou "teu bailado"...tuas pegadas....
Nossa! sempre gostei de dança, classica,principalmente. Aprendi no Colegio...Mas....o tempo passou.
Me formei PEDAGOGIA..
Casei....
E hoje..minha historia..igualzinha a da sua irmã. Marido perna de pau.Poooode?
Mas...tuuudo bem. Dos males o menor!!
Mas..de x em qdo...saimos p/ dançar...e nao enferrujar "as dobradiças'..kkkkk
bjus..
Leinha. :)